24/09/12

Comunicado | Projeto Escolas Amigas da Água no Algarve: escolas participantes podem poupar em média 420€/ano‏



Projeto Escolas Amigas da Água no Algarve 
Escolas participantes podem poupar em média 420€/ano

420€ por ano é a poupança média, na fatura da água, que cada uma das 11 escolas1 participantes no projeto Escolas Amigas da Água, na região do Algarve, pode alcançar se aplicar as medidas de redução do consumo identificadas. Esta é uma das conclusões obtidas após analisados os dados da segunda edição deste projeto, que foi desenvolvido em parceria pela Quercus e a Águas do Algarve, durante o ano letivo 2011/2012.

O projeto abrangeu cerca de 552 alunos, cujos hábitos de consumo de água nas respetivas instituições de ensino se traduziram num valor médio diário de 10 m3 ou 25 litros/aluno.

Ao nível dos dispositivos, verificou-se que as torneiras presentes nas instalações sanitárias e cozinhas registavam valores médios de caudal superiores aos das torneiras de classificação A, a mais eficiente possível de aplicar nestes casos, pois desconhece-se se a instalação predial permite a instalação de dispositivos de classe A+.
Por outro lado, registou-se um tempo médio de abertura das torneiras superior a cinco segundos (duração considerada suficiente). Quanto aos autoclismos, verificou-se ainda a existência dos de descarga completa e uma utilização incorreta dos de dupla descarga.

Estas conclusões permitiram aferir um potencial de poupança de água, para o total das 11 escolas, de cerca de 14,7 m3/dia, o equivalente a 4.630€/ano, correspondendo a uma redução de 9,7% da fatura. A partir daqui, chega-se ao valor médio que cada escola pode poupar (420€/ano), economizando 1,3 m3/dia, ou seja, 2,4 litros/aluno por dia.

Parte desta poupança implica um investimento por parte das escolas em novos dispositivos (torneiras e autoclismos), que em média será de 450 euros, com um tempo de retorno variável entre os 6 meses e 4 anos.

A nível nacional, a segunda edição do projeto “Escolas Amigas da Água” (ano letivo 2011/2012) abrangeu 24 escolas em três regiões: Algarve, Coimbra e Ribatejo, resultando de uma parceria da Quercus com a Águas do Algarve, a Águas de Coimbra e a Águas do Ribatejo E.I.M, respetivamente. A totalidade das escolas envolvidas no projeto, em termos nacionais, teve um consumo médio diário de água de 9 m3, que corresponde a um consumo médio de 21 litros/aluno por dia.

Lisboa, 24 de Setembro de 2012

A Direção Nacional da

Quercus – Associação Nacional de Conservação da Natureza

1- Escolas participantes na região do Algarve: EB1 de Alto de Rodes, EB23 D. Martim Fernandes, EB23 Jacinto Correia, EB23 Poeta Emiliano da Costa, EB1/JI da Correeira, EBI de Ferreiras, ES Poeta António Aleixo, EBS da Bemposta, Escola de Hotelaria e Turismo de Faro, ES Dr. Francisco Fernandes Lopes, ES Drª Laura Ayres.

Para mais informações contactar:
 
Ana Rita Antunes, Quercus 
Tlm:             934794359                                                                  
E-mail: ritaantunes@quercusancn.pt 

Teresa Fernandes, Águas do Algarve

Tlm:             932698558       
E-mail: t.fernandes@aguasdoalgarve.pt