11/01/12

Comunicado | Serra de Montejunto: Associações realizam acção de protesto a 15 de Janeiro contra a instalação de Parque Eólico no Cercal‏

Serra de Montejunto

Associações realizam acção de protesto a 15 de Janeiro contra a instalação de Parque Eólico no Cercal

Comissão Directiva da Paisagem Protegida também tem posição desfavorável





Terminou a fase de discussão pública do processo de Avaliação de Impacte Ambiental do Parque Eólico do Cercal (concelho do Cadaval), que prevê a implantação de 17 aerogeradores e respectivos acessos, bem como a construção de uma linha eléctrica a 60 kV, em plena Paisagem Protegida da Serra de Montejunto e Sítio de Importância Comunitária da Rede Natura 2000.

As associações signatárias, através de parecer entregue na Agência Portuguesa do Ambiente, consideram que a instalação deste Parque Eólico constituirá um grave atentado à conservação dos valores naturais e à salvaguarda da paisagem e do património cultural.

Acção de protesto: 15 de Janeiro na Serra de Montejunto

De forma a manifestarem o seu protesto contra a instalação do Parque Eólico, as associações organizarão, no próximo dia 15 de Janeiro, pelas 11 horas, junto ao Centro Interpretativo da Paisagem Protegida, uma acção de sensibilização dos visitantes, prevendo-se a colocação de faixas de protesto, a distribuição de autocolantes e a recolha de novas assinaturas para a petição pública em curso.

Comissão Directiva da Paisagem Protegida dá parecer negativo ao Parque Eólico

Entretanto, tivemos conhecimento que a Comissão Directiva da Paisagem Protegida decidiu, por unanimidade, emitir parecer desfavorável à instalação do Parque Eólico do Cercal. As associações signatárias congratulam-se com esta importante decisão em prol da conservação dos valores naturais e da paisagem e esperam agora que os membros da Comissão Directiva – a Câmara Municipal de Alenquer, a Câmara Municipal de Cadaval e o Instituto da Conservação da Natureza e da Biodiversidade – possam agora emitir o seu parecer em coerência com a posição inequívoca que assumiram no órgão executivo da Paisagem Protegida.

Petição contra este Parque Eólico continua online

Por último, referir que continua a decorrer a campanha pública de recolha de assinaturas contra a instalação do Parque Eólico, a qual está no seguinte endereço electrónico: http://www.peticaopublica.com/PeticaoVer.aspx?pi=MTJ2011.

São signatárias desta posição pública as seguintes Associações:

ALAMBI - Associação para o Estudo e Defesa do Ambiente do Concelho de Alenquer, ALT-SHN Associação Leonel Trindade - Sociedade de História Natural, ADDPCTV - Associação de Defesa do Património de Torres Vedras, AEP 129 – Associação dos Escoteiros de Portugal – Núcleo Torres Vedras, ECTV - Espeleo Clube Torres Vedras, FAPAS – Fundo para a Protecção dos Animais Selvagens, QUERCUS – Associação Nacional de Conservação da Natureza.

Montejunto, 11 de Janeiro de 2012

___________________________________________________________________________

Para mais esclarecimentos contactar:

Espeleo Clube Torres Vedras: Valdemar Neves (919 972 750) ou Daniel Abreu (919 513 953) | Quercus – ANCN: Paulo Lucas - (933 060 123) ou Nuno Sequeira (937 788 474)